KTM

Mattighofen/Munderfing, Áustria
Com base em contrato de leasing, a renomada fabricante de motos KTM utiliza mais de 70 empilhadeiras elétricas nas suas duas unidades austríacas, em Mattighofen e Munderfing. De veículos de reboque e paleteiras a empilhadeiras com coluna e empilhadeiras contrabalançadas de 3 rodas. Os contratos de serviços completos abrangem não apenas todos os veículos mas também as baterias e os carregadores.
Para o carregamento das baterias tracionárias, a empresa aposta há mais de dez anos nos carregadores das séries Selectiva da Fronius. Com a inteligente tecnologia Active Inverter e um grau de eficiência de até 96%, eles permitem que a KTM economize cerca de um terço dos custos de energia em comparação com tecnologias convencionais. Além disso, eles proporcionaram uma enorme economia de espaço e peso, já que os compactos aparelhos Inverter são até 70% menores do que os da tecnologia de transformador 60 Hertz, com seus grandes transformadores. Os aparelhos podem ser montados de modo simples e compacto na parede.

A constância da corrente e da tensão de carga também garante um carregamento otimizado. Como forma padrão, os aparelhos Selectiva possuem cabos de carregamento sem tensão, uma proteção contra sobrecarga térmica e um desligamento de segurança. Eles são seguros em termos eletrônicos e minimizam o risco de explosões com oxi-hidrogênio. Portanto a KTM pode contar com carregadores extremamente eficientes energeticamente, 100% seguros e disponíveis a qualquer momento.
INFORMAÇÕES DO CLIENTE
Nome da empresa
KTM Sportmotorcycle GmbH
Localização e país Mattighofen / Munderfing, Áustria
Setor Veículos, peças e acessórios de veículos
Marca das empilhadeiras elétricas Toyota
Marca das baterias GNB Exide
Portfólio da Fronius Sistemas de carregamento de baterias Selectiva
Acessórios Suporte de parede



Günther Baumann, Head Of Purchase Non Production Material 

„A constante disponibilidade das empilhadeiras elétricas e dos carregadores é especialmente importante para nós. Tivemos as melhores experiências nesse sentido com a Fronius.“