o super-herói ente os processos de soldagem ConexÕes seguras com a soldagem tig

O método de soldagem com gás inerte e eletrodo de tungstenio (TIG) sempre é utilizado quando o nível de exigencias a aparencia da costura e a qualidade é elevado. Em 2018, a Fronius lançou no mercado dois desenvolvimentos novos: um processo TIG para aplicaçoes mecanizadas com altas velocidades e uma série de equipamentos para trabalho manual. Mas por que discutir sobre a soldagem TIG?

A soldagem TIG é um método de soldagem que permite uma qualidade de costura máxima. Entre um eletrodo de tungstênio não fundível e a peça de trabalho, o arco voltaico queima em uma atmosfera de gás sem oxigênio. O gás de proteção inerte impede reações químicas com o banho de solda líquido. Dessa forma, as costuras de soldagem ficam lisas, niveladas e sem poros.

PARA PRODUTOS ALIMENTÍCIOS HIGIENICOS

O processo é utilizado, por exemplo, na construção de recipientes de produtos alimentícios a partir de aços cromo-níquel fortemente ligados. Os tanques não podem apresentar nenhuma cor de recozimento. Essas cores são provocadas pela oxidação da superfície de metal e contaminam o conteúdo. Nesse caso, o fabricante precisa decapar a superfície, o que é prejudicial ao meio ambiente e muito trabalhoso. O melhor é haver o mínimo possível de cor de recozimento – na soldagem TIG, ela pode ser reduzida a um mínimo.

Para a higiene, também é importante que as costuras fiquem limpas, lisas e sem respingos. Só assim o fabricante pode garantir que o recipiente seja resistente à corrosão e fácil de limpar. Na junção de aço inoxidável, a soldagem gás inerte metal provoca respingos e uma grande superelevação da costura, cuja remoção é trabalhosa. Isso não acontece na soldagem TIG.

SEGURANÇA MESMO SOB ALTA PRESSAO

Recipientes de ligas de alumínio também exigem bastante das costuras de soldagem. Entre outros fatores, eles precisam ser estanques a hélio. O hélio é leve e se propaga muito rapidamente quando há alguma fuga em um recipiente. A soldagem TIG é um dos poucos métodos de soldagem que deixam os recipientes estanques a hélio.

Nas turbinas para a aviação ou para usinas, as costuras também precisam ser seguras contra raios X, isto é, não podem ter poros ou fendas. As turbinas a gás precisam suportar temperaturas de até 700 °C. Por isso, elas são fabricadas com ligas à base de níquel ou titânio. Com TIG, é possível soldar esses materiais deixando-os seguros contra raios X. Na construção de tubulações para usinas, todas as costuras são protegidas contra raios X também. Os tubos e, principalmente, as costuras de soldagem precisam suportar alta pressão. O processo TIG garante aqui a alta qualidade necessária para a segurança.