Simples, robusto, econÔmico: SOLDAGEM DE AÇO COM SISTEMA DE PUSH

Na indústria de construção, na construção de máquinas ou na indústria de fornecimento automobilístico – sempre que é possível, ele é utilizado: o aço. O material pode ser reciclado sem restrição, graças às diferentes ligas é extremamente convertível e pode ser processado com facilidade – seja por enrolamento, fresagem ou soldagem. E algo ainda mais importante: o aço pode ser obtido em grandes quantidades e por baixos custos. Por isso, ele é o material número um quando peso, resistência a intempéries e a ácido ou higiene não têm relevância.

Nem toda aplicação de soldagem é high-tech e high-end. Para o aço, vale o seguinte lema: simples, robusto, econômico. O mesmo vale para a soldagem desse material. Frequentemente, o aço é soldado com o método de soldagem gás inerte metal, tanto de forma manual quanto robotizada. Para esse método, o sistema de push é ideal. A Fronius oferece esse sistema como opção de configuração para a sua flexível plataforma de soldagem TPS/i. O sistema de push tem uma estrutura simples e é fácil de manusear. Isso favorece uma alta disponibilidade do sistema e otimiza os custos do sistema tanto na aquisição quanto na operação.

E funciona assim: pelo jogo de mangueira, o motor no avanço de arame impulsiona o arame para frente, até a tocha de solda. O jogo de mangueira e a tocha de solda também foram desenvolvidos pela própria Fronius, o que contribui para um funcionamento perfeito do sistema completo. Na própria tocha de solda, não é necessário um motor. Assim a tocha de solda fica leve – uma vantagem para soldador e robô. O fato de menos robôs robustos serem necessários para aplicações automatizadas também reduz os custos totais do sistema. Com o sistema de push, a Fronius também está focando na qualidade constantemente elevada dos resultados de soldagem. Os pacotes de soldagem „Low Spatter Control“ (LSC) e „Pulse Multi Control“ (PMC) proporcionam sistemas de assistência para o soldador, de modo que ele obtenha cordão de alta qualidade mesmo sob condições difíceis. Os dois pacotes dispõem de um estabilizador de penetração de solda. O PMC ainda auxilia o soldador com um estabilizador do comprimento do arco voltaico. Esses sistemas de assistência são especialmente importantes quando as tolerâncias do componente não podem ser cumpridas – por exemplo, quando as fendas de ar aumentam ou as espessuras do material variam. Então a fonte de solda regula os parâmetros de soldagem de modo que o arco voltaico mantenha as características definidas pelo soldador e a penetração de solda permaneça estável. O arco voltaico estável também possibilita altas velocidades de soldagem: muitos fornecedores automobilísticos aumentam sua produtividade em cerca de 20 por cento com PMC. Dessa forma, o sistema de push da Fronius ajuda o usuário a conseguir excelentes cordão de soldagem mesmo sob alta pressão de custos e em circunstâncias que não sejam ideais.

O sistema de push é formado por uma fonte de solda e um avanço de arame – não é necessário um motor na tocha de solda.