65 % mais produtividade. A PAINCO CONFIA NA SOLDAGEM DE ALTO DESEMPENHO – COM A UTILIZAÇÃO DA TPS 600i

A empresa brasileira PAINCO produz componentes e conjuntos soldados em chapa – inclusive para os segmentos Linha Amarela, Transporte Comercial e Energia Regenerativa. Para isso, a empresa conta com células de soldagem automatizadas. No entanto, recentemente a produtividade dos robôs teve que ser revista – e a razão para isso foi: A PAINCO está crescendo e o desempenho dos sistemas de soldagem antigos não está mais conseguindo atender a exigências cada vez maiores. A solução foi encontrada na TPS 600i.

No mundo todo, a digitalização e a automação estão ganhando terreno no setor industrial. O Brasil – que é um importante mercado em crescimento – também está investindo pesadamente em tecnologias digitais. Rio das Pedras, em São Paulo, é a sede da Painco, que também detectou os sinais do momento e, por isso, passou a contar com células de soldagem robótica na produção. Sendo a principal fornecedora de componentes e conjuntos soldados em chapa de aço carbono, a Painco opera em diversas indústrias – uma parcela significativa certamente está nos segmentos de máquinas de construção e transporte comercial. Especialmente nesses setores, as espessuras das chapas, concebidas para situações extremas, representam os maiores desafios para o empresário.

As células de robô tinham um grande potencial de aumentar enormemente a produtividade, mas os sistemas de soldagem com potência de apenas 350 A não permitiram que essa vantagem fosse aproveitada: a qualidade do cordão e a velocidade de soldagem não corresponderam às expectativas.

Fallback profile picture

» Com isso, nós economizamos cerca de 120 horas de trabalho por mês. «

Rafael Severino, Gerente de operações PAINCO

EM VEZ DE MAIS ROBÔS: MAIS DESEMPENHO!

Para poder produzir as quantidades desejadas, foi preciso substituir os sistemas de soldagem vigentes, em vez adquirir de mais células de robô. A fonte de solda Fronius TPS 600i cumpriu essa tarefa: Seu desempenho máximo de até 600 A, em combinação com a transição do processo de soldagem para a variante do processo Pulse Multi Control (PMC), foi capaz de levar aos resultados desejados.

A PAINCO SOLDA COM PMC

Quem adquire os sistemas de soldagem, está deliberadamente optando por uma atualização: o pacote de soldagem Pulse Multi Control (PMC). Em sua produção reequipada, a Painco observou que o arco voltaico de impulso melhora significativamente a passagem de matéria prima. Desse modo, as velocidades de soldagem podem ser aumentadas consideravelmente. Além disso, ocorreram mais dois benefícios colaterais consideráveis: „Nós conseguimos detectar uma aplicação de calor significativamente menor, o que levou a uma redução dos respingos de solda. No fim, os cordões de soldagem ficaram impecáveis, com muito menos desperdício. Dessa forma, nós pudemos aumentar novamente a nossa produtividade – de modo geral, em até 65%! Com isso, nós economizamos cerca de 120 horas de trabalho por mês “, afirma animadamente Rafael Severino, gerente de operações. „Paralelamente, o investimento em novos dispositivos foi muito mais barato do que a aquisição de mais células de robô.“