Mais eficiência na construçã o de usinas

Espaços restritos e exigências elevadas de qualidade requerem soluções inteligentes para que os soldadores possam trabalhar de forma eficiente, ergonômica e segura. E a Fronius sabe como pode ser uma solução desse tipo. Ela indicou para a Bilfinger Industrial Services uma tocha de solda PushPull com um longo jogo de mangueira. Uma fonte de solda TPS/i proporciona o cordão de soldagem perfeito.

O que levou à aquisição foi a encomenda de componentes de aço para a nova construção da usina hidrelétrica Traunleiten. O contrato abrangia a engenharia, produção e entrega assim como a montagem de 23 componentes de aço diferentes, com um peso total de aproximadamente 350 toneladas. Por exemplo, grades de entrada, vigas de barragem para entrada de turbinas, telas de barra para a proteção das turbinas e duas comportas de barragem basculantes, ou comportas „barriga de peixe“.

COMPORTA BASCULANTE „BARRIGA DE PEIXE“ TEM 44 METROS DE COMPRIMENTO

As comportas basculantes „barriga de peixe“ controlam a altura de enchimento da água em usinas hidrelétricas. Esse nome se deve à sua forma curva, que lembra uma barriga de peixe e a torna bastante resistente a torção. E exatamente isso era necessário nesse projeto. Duas comportas basculantes giratórias, cada uma com 44 metros de comprimento, cujos lados frontais ficam ligados às paredes laterais da barragem através de um acionamento de ajuste hidráulico. Fora isso, as comportas basculantes de aproximadamente 2,5 metros de altura ficam ligadas ao limiar da barragem por um eixo giratório. Isso permite a elevação e o abaixamento da comporta basculante „barriga de peixe“ e, consequentemente, uma rápida regulação do nível da água.

„Devido às limitações de transporte, as estruturas das comportas foram subdivididas em três segmentos de até 16 metros“, diz Bernhard Brindl, gerente de projetos no setor hidráulico da Bilfinger na unidade de Wels. „A ligação das partes foi realizada no local de construção através de placas de flange com conexões roscadas bem firmes, o que requer um controle periódico do torque de aperto.“ Cada segmento precisava de uma tampa de inspeção com um diâmetro de 650 milímetros.

ATÉ AGORA: VÁRIAS TAMPAS DE INSPEÇÃO IMPRESCINDÍVEIS

Apesar de um acesso ser suficiente para a manutenção, a Bilfinger precisava de pelo menos duas tampas de inspeção para a soldagem dos segmentos de 16 metros de comprimento utilizando o equipamento de soldagem disponível até então. Para conseguirem alcançar todas as posições de soldagem necessárias, os soldadores precisariam levar a fonte de solda, inclusive o avanço de arame, junto para dentro da peça de trabalho. „Depois nós teríamos que soldar novamente os acessos adicionais e controlar sua vedação. Independentemente dos custos adicionais, cada tampa de inspeção significa um ponto vulnerável, pelo qual é possível entrar água“, elucida Brindl.

Fallback profile picture

» O resultado deixou todos nós convencidos. «

Bernhard Brindl, gerente de projetos no setor hidráulico da Bilfinger na unidade de Wels.

CORDÕES DE SOLDAGEM DE 600 METROS

A Fronius recomendou aos especialistas da Bilfinger o uso de um jogo de mangueira longo junto com uma tocha de solda PushPull e uma fonte de solda da mais nova geração de equipamentos TPS/i. A Bilfinger já confia na Fronius há muito tempo. „Temos aqui algumas centenas de equipamentos da Fronius sendo utilizados por mais de 300 soldadores, tanto nas oficinas quanto nos locais de construção“, destaca Brindl. Então a empresa prestadora de serviços industriais seguiu a recomendação e encomendou uma tocha de solda PullMig de oito metros de comprimento e uma TPS 500i para a construção das comportas basculantes resistentes a torção.

Então os especialistas soldaram chapas de aço S355, essencialmente com soldagens de ângulo e algumas soldagens em V, com um comprimento total de aproximadamente 600 metros. Eles começaram com a montagem de uma cuba de aço, que forma um lado da comporta basculante. Depois soldaram fixações e a „tampa“. Os soldadores tiveram que cumprir especificações de tolerâncias milimétricas e atentar para que a deformação na soldagem fosse mínima, de modo que as peças pudessem ser aparafusadas posteriormente com precisão e montadas no eixo giratório. Para evitar ao máximo posicionamentos imprecisos, os soldadores viraram a comporta basculante várias vezes com o guindaste de rodas.

MAIS LIBERDADE DE MOVIMENTO

„O resultado deixou todos nós convencidos“, diz Brindl. „O raio de ação ampliado pelo longo jogo de mangueira nos permitiu dispensar a segunda tampa de inspeção por segmento e poupar completamente os respectivos dispêndios envolvidos.“ Além disso, os operadores conseguiram posicionar a fonte de solda junto com o avanço de arame fora da estrutura da comporta basculante e, ainda assim, alcançar todas as posições necessárias. „Além de significar mais liberdade de movimento no espaço que, de qualquer forma, é apertado (o tamanho do corte transversal é de aproximadamente 1.500 x 800 milímetros) isso também facilita o acesso e o salvamento para o pessoal de resgate, o que é algo decisivo para nós.“

O equipamento oferece uma série de outras vantagens, que afetam diretamente a eficiência, ergonomia e qualidade na construção de gasodutos, tabuleiros e navios. Através do tubo curvado JobMaster, que pode ser acessado diretamente no corpo da tocha de solda, é possível ajustar todos os parâmetros de soldagem importantes. Assim o soldador pode realizar diversas tarefas de soldagem diretamente, sem desvios e longas interrupções. „Nossos soldadores elogiam principalmente o avanço de arame uniforme“, relata Brindl. Uma iluminação de LED integrada na tocha de solda também facilita o trabalho em pontos mal iluminados. Ainda assim, a tocha de solda é extremamente compacta e pesa apenas 1,6 quilogramas, apesar do acionamento em duas rodas integrado. É uma das mais leves da sua classe. Somando-se a isso a rápida regulagem do arco voltaico típica dos equipamentos TPS/i e o processo estabilizador Pulse Multi Control, é possível atender às mais elevadas exigências de qualidade de forma eficiente, segura e confortável.

SUCESSO EM LONGO PRAZO

„Agora os soldadores só querem saber de trabalhar com este equipamento“, resume o gerente de projetos. „Nós reservamos a TPS 500i com a longa tocha de solda PullMig para o nosso departamento imediatamente. O departamento responsável pela construção de recipientes seguiu o exemplo e também solicitou um jogo de mangueira longo. Assim os soldadores podem se dedicar completamente ao seu real trabalho mesmo no caso de recipientes maiores, beneficiando-se do raio de ação aumentado.“